Meia entrada e passe livre são lutas históricas da juventude brasileira, lutas relacionadas com o direito à cidade e ao acesso aos espaços artísticos e culturais. Como conquista dessa luta o Estatuto da Juventude, Lei 12852 de 2013, reafirma os direitos dos jovens e os princípios e diretrizes das políticas públicas de juventude. Nessa direção foram regulamentados  o benefício da meia-entrada para acesso a eventos artístico-culturais e esportivos por jovens de baixa renda, por estudantes e por pessoas com deficiência e estabelecido os procedimentos e critérios para a reserva de vagas a jovens de baixa renda nos veículos do sistema de transporte coletivo interestadual.

Como forma de assegurar os direitos previstos na Lei da Juventude o Governo Federal instituiu  no ano de 2016 a Identidade Jovem – ID JOVEM, documento voltado aos jovens brasileiros de baixa renda.

O ID jovem visa garantir a meia entrada em cinemas, shows, teatros, jogos de futebol, reserva de assentos em viagens interestaduais, e isenção em concursos públicos e vestibulares de universidades e institutos federais.

Se você tem entre 15 e 29 anos fique atento:Para participar do programa é obrigatório a comprovação de renda familiar bruta de até dois salários mínimos, e  inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico. Através do cadastro, os dados dos jovens são analisados pelo programa, e caso aprovado, é criado um número de NIS, usado para gerar sua ID Jovem. Este cadastro é feito no CRAS – Centro de Referência de Assistência Social de sua cidade. Para o cadastro, é necessário levar todos os documentos pessoais dos integrantes da família, comprovante de endereço, comprovantes de renda e carteiras de trabalho dos trabalhadores.

Quanto à reserva de vagas no transporte público, cada empresa de ônibus deve reservar duas vagas de graça e duas com desconto mínimo de 50%, em linhas interestaduais e em ônibus convencionais. Vale lembrar também que Um dos benefícios garantidos pela ID Jovem é a gratuidade nas inscrições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Caso você seja cadastrado no projeto e não esteja conseguindo usar os benefícios, acesse este link  para registrar sua reclamação. A ID Jovem é um direito previsto por lei, que garante o acesso do jovem à cidade e aos bens culturais que os espaços públicos oferecem. Se você ficou com vontade de se cadastrar, acesse o site ID Jovem e garanta seu benefício!